Amonites Cretácicas de Catuane, Moçambique

Várias vitrines do Museu Mineralógico e Geológico, situadas fora do espaço da galeria Bonifácio d’Andrade e Silva, são preparadas com exposições “temporárias” do acervo científico pertencente à casa. Duas dessas vitrines dedicam-se, por agora, aos amonóides aptianos de Catuane, rio Maputo, Moçambique.  Esta jazida fóssil encontra-se numa sucessão, com mais de 10 m de espessura, formada por arenitos com glauconite, margas e alguns calcários, que pertence à chamada formação transgressiva de Maputo (Barremiano-Turoniano). Admirável acervo científico disponível para observação!

Panorama de uma das vitrines dedicadas às amonites do Aptiano superior de Catuane, Moçambique. Colecção paleontológica do Museu Mineralógico e Geológico da Universidade de  Coimbra.

Anúncios

~ por Ricardo Pimentel em Novembro 28, 2009.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: